26/06/2017 às 05h00min - Atualizada em 26/06/2017 às 05h00min

Adultos e crianças participam do Bike Anjo, em Volta Redonda

Adultos e crianças tiveram a chance de aprender a pedalar

- Direto da Redação

Foto: Gabriel Borges
Você se lembra quando foi que aprendeu a andar de bicicleta?  Para a bibliotecária Andreia Paim essa sensação foi há muitos anos, quando ainda criança ela começou a pedalar. Mas o tempo passou e nunca mais ela pedalou. Agora, aos 40 anos, deixou a vergonha de lado e se inscreveu na EBA (Equipe Bike Anjo).
 
“Hoje foi um dia fantástico pra mim. Estou me sentindo realizada. A gente cresce e fica com vergonha. Ainda tenho que me equilibrar mais nas curvas. Eu recomendo a todos os adultos que nunca desistam”, disse Andreia sorrindo.
 
A auxiliar administrativo Gisela Romano veio de Barra do Piraí para conhecer e também participar. 
 
“Eu não sei andar de bicicleta, ouvi falar da Rua de Lazer e do Bike Anjo, então aproveitei para conhecer os dois projetos”, disse Gisela.
 
A Prefeitura de Volta Redonda, por meio da Secretaria de Cultura, oferece a chance de outros projetos, como o Bike Anjo, também participarem da Rua de Lazer, que ocorre todos os domingos, das 8h às 17h, na Radial Leste, próximo ao bairro Aero. Todos os domingos ela é fechada para atividades de lazer. É uma oportunidade para a família se divertir ou se exercitar. 
 
A Guarda Municipal também participa, garantindo a ordem e segurança no local. Outros projetos esportivos também podem participar. Basta entrar em contato com a Secretaria de Esportes de Volta Redonda.
 
 
Bike Anjo também tem espaços inclusivos para pessoas cegas ou com síndrome de down
 
O Bike Anjo é um grupo formado por pessoas da região com o intuito de ajudar adultos e crianças a aprender a pedalar. Crianças com síndrome de down também recebem a atenção da equipe. São 25 pessoas integrantes  do grupo.  Vicente Sacramento  é um dos idealizadores do Bike Anjo. Ele conta que a EBA já está presente em 24 cidades do Brasil. Tudo começou em 2015 quando ele e mais alguns amigos conheceram o grupo em São Paulo.
 
“É uma emoção muito grande ver as crianças aprendendo e, principalmente os adultos. Qualquer pessoa pode se cadastrar no grupo bikeanjo.org e ser um integrante também. Todos são bem-vindos”, disse Vicente.
 
O advogado Francis Bevilacqua veio de Piraí para conhecer o projeto e pretende implantar a ideia por lá. “Eu faço parte do grupo Catracas da Serra e tenho certeza que o Bike Anjo vai ser um sucesso em Piraí”, disse.

Link
Tags »
volta redonda região rio de janeiro
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Disqus exige que voce se registre seu site. Voce pode fazer isso a partir de Registre-se